Institucional Equipe da Nilo Frantz participa do Congresso Brasileiro de Reprodução Humana
14/11/2018

Profissionais da Nilo Frantz Medicina Reprodutiva participam do 28º Congresso Brasileiro de Reprodução Humana (CBRH) que reúne os maiores especialistas da área, em Belo Horizonte, MG.

Dr. Nilo Frantz, pioneiro no tratamento de IVM no Brasil é um dos palestrantes convidados para o  evento e vai falar sobre “Maturação in Vitro: aplicações atuais”

Fernanda Robin, enfermeira-chefe da Nilo Frantz, também dividirá seus conhecimentos em mesa redonda  com o tema “Planejamento Familiar: visão da enfermagem”.

Marcos Iuri Rhos Kulmann participa do lançamento do livro “Medicina Reprodutiva SBRH ®”.

 O encontro acontece de 14 a 16 de novembro na Expominas em Minas Gerais.

Institucional Novembro: Um mês para pensar na saúde dos homens
09/11/2018

O novembro azul é o mês mundial de combate ao câncer de próstata, o segundo tipo de câncer mais presente entre os homens brasileiros.

A boa notícia é que quando diagnosticado precocemente, pode atingir uma taxa de cura de 90%, por isso a importância de se realizar os exames preventivos como dosagem sanguínea do PSA e o exame de toque retal .

Segundo o urologista da Nilo Frantz Medicina Reprodutiva, Dr. Caio Schmitt, é preciso estar sempre atento já que em muitos casos os pacientes não apresentam sintomas como dificuldade e dor para urinar, sangue na urina, dor óssea, perda de peso, mal-estar entre outros.

“Quando esses sintomas se manifestam , 95% dos homens já estão com a doença em estágio avançado, com  pouca chance de cura. Por isso, embora ainda exista muito preconceito, a melhor forma de se proteger é realizar os exames preventivos e procurar um urologista periodicamente para acompanhar a saúde de forma global,” reforça Dr.Caio.

O alerta vale para todos, especialmente para quem tem  mais de 45 anos de idade e/ou história familiar de câncer de próstata. Não deixe para depois, cuide da sua saúde hoje, e sempre.

Institucional Equipe da Nilo Frantz assina capítulo de livro sobre medicina reprodutiva
01/11/2018

Maturação in Vitro (IVM) é o tema do capítulo escrito pelos profissionais da Nilo Frantz (Doutores Marcelo Ferreira, Adriana Bos-Mikich, e Nilo Frantz  e os embriologistas Marcos Iuri Rhos Kulmann,  Norma Pagnoncelli de Oliveira e Caroline Gross Dutra),  para o livro “Medicina Reprodutiva SBRH ®”.

A obra será lançada durante o 28º Congresso Brasileiro de Reprodução Humana (CBRH) que acontece  nos dia 14, 15 e 16 de novembro em Belo Horizonte, MG, reunindo os maiores especialistas da área.

A maturação in vitro ou IVM é uma técnica de reprodução assistida especialmente recomendada para mulheres com ovários policísticos, já que para elas, a estimulação ovariana com hormônios injetáveis, comum na fertilização in vitro clássica (FIV), pode ser prejudicial. 

A Nilo Frantz medicina Reprodutiva foi pioneira no desenvolvimento desta técnica no Brasil com a primeira gestação por IVM no país, em 2007.

Institucional Pacientes com câncer de mama podem preservar a sua fertilidade.
17/10/2018

Para outubro, mês dedicado ao alerta sobre o câncer de mama, a Nilo Frantz  Medicina Reprodutiva chama a atenção para a Preservação da Fertilidade em pacientes com este diagnóstico.

 Os tratamentos para o câncer de mama podem comprometer a fertilidade da mulher, pois são prejudiciais para os ovários. Felizmente, hoje já existem técnicas para preservar a fertilidade feminina em pacientes oncológicas, entre elas o congelamento de óvulos (e embriões). Uma vez que os óvulos são retirados antes do inicio do tratamento e criopreservados, poderão ser utilizados futuramente, quando a paciente já estiver tratada e apta a engravidar. Os especialistas em reprodução assistida ainda alertam que a preservação da fertilidade nestes casos não posterga e nem piora o prognóstico do tratamento.

Para o Dr. Nilo Frantz, os pacientes jovens precisam priorizar o tratamento do câncer, mas também pensar na possibilidade de preservar a fertilidade. “Tem que haver integração entre as equipes médicas para que depois da cura, esta paciente também consiga realizar o sonho da maternidade. Isto é possível e cada vez mais realizado nos dias de hoje” comenta o especialista.

Institucional Nilo Frantz Medicina Reprodutiva em peso no congresso da SBRA
02/08/2018

A Nilo Frantz Medicina Reprodutiva está muito bem representada no XXII Congresso Brasileiro de Medicina Reprodutiva que acontece em Brasília. Vários profissionais da clínica já estão na capital brasileira para participar deste encontro que reúne grandes nomes da reprodução humana internacional.

A pesquisadora Adriana Bos-Mikish , a embriologista Caroline Gross Dutra, a enfermeira Fernanda Robin e a nutricionista Rosa Silvestrim participam ativamente deste importante evento com palestras, posters, e apresentação oral de trabalhos .

O Congresso que ocorre de 01 a 04 de agosto é realizado pela Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida.

Institucional Bebê de proveta, de tabu a realidade: Confira nossa live
02/08/2018

Hoje,  dia 25 de Julho é o aniversário de 40 anos de Louise Joy Brown, a britânica que ficou internacionalmente conhecida como o primeiro bebê de proveta. O nascimento que aconteceu em 1978, a partir de fertilização in vitro, foi considerado um milagre na época e mudou para sempre a trajetória da medicina reprodutiva em todo o mundo.

Em homenagem a este marco na história da humanidade, o dia 25 de julho foi escolhido como dia Internacional do Embriologista.

Veja agora como a evolução das técnicas de reprodução humana têm ajudado milhões de pessoas a realizarem o sonho de formar uma  famílias em suas  variadas configurações.

Bebê de proveta: de tabu a realidade

Publicado por Nilo Frantz – Medicina Reprodutiva em Quarta-feira, 25 de julho de 2018

Institucional Embriologista da Nilo Frantz participa de encontro seleto em congresso europeu.
11/07/2018

Representando a Nilo Frantz Medicina Reprodutiva, o embriologista Marcos Iuri Kulmann, foi um dos selecionados a participar do “Check my CV”no 34º Congresso da Sociedade Européia de Reprodução Humana e Embriologia (ESHRE), maior evento de medicina reprodutiva no mundo que aconteceu recentemente em Barcelona. 

O programa promoveu uma consultoria pessoal “one to one” entre jovens embriologistas e os maiores especialistas da área.  Iuri conversou com a renomada Dra. Rita Vassena, diretora científica do grupo espanhol Eugin, que se destaca pelo trabalho com células tronco embrionárias e medicina regenerativa.

 Apenas oito pessoas tiveram a chance de discutir suas carreiras profissionais com líderes mundiais da embriologia.

Institucional Equipe da Nilo Frantz Medicina Reprodutiva marca presença no ESHRE 2018
05/07/2018

A pesquisadora Adriana Bos-Mikish, o médico Marcelo Ferreira, a enfermeira Fernanda Robin e o embriologista Marcos Iuri Kulmann estiveram na Espanha onde participaram do 34 Congresso da Sociedade Européia de Reprodução Humana e Embriologia (ESHRE), maior evento de medicina reprodutiva do mundo.

O encontro que aconteceu essa semana em Barcelona, é uma grande oportunidade para a troca de experiências e atualização sobre o diagnóstico e o tratamento de casais com dificuldade para engravidar.

Além de acompanhar as principais palestras do programa científico, a Dra. Adriana, consultora científica da Nilo Frantz Medicina Reprodutiva também apresentar pôster intitulado “Fragmento de tecido ovariano pequeno ou grande? Qual o tamanho ideal para a preservação da fertilidade?”

De volta a Porto Alegre, os especialistas irão compartilhar com os colegas os principais destaques tratados neste encontro que acontece anualmente na Europa.

Institucional Tabagismo e Infertilidade: Qual a relação?
28/05/2018

Grande parte da população sabe que o tabagismo é prejudicial à saúde, sendo responsável por vários tipos de câncer, porém poucos conhecem seu efeito negativo na fertilidade.

O cigarro contém mais de 4mil componentes químicos que afetam a função reprodutiva em vários níveis, possuindo um potencial mutagênico tanto para óvulos quanto espermatozóides. Ele também causa alterações hormonais, diminuição das taxas de sucesso na reprodução assistida, além de serem prejudiciais na gestação.

Estudos mostram que homens e mulheres fumantes têm três vezes mais chances de sofrerem infertilidade quando comparados com aqueles que não fumam. No homem pode alterar a produção de espermatozóides, a qualidade do sêmen  e elevar a fragmentação de DNA dos espermatozóides, o que está associado a maior taxa de abortos e de insucesso nos tratamentos de reprodução.

Na mulher o tabagismo é responsável por diminuir a reserva ovariana, alterar a motilidade  tubária,  interferir na divisão das células do embrião, na formação de blastocisto, no muco cervical, na receptividade do endométrio e prejudicar a implantação do embrião. Mulheres fumantes podem apresentar amenorréia e irregularidade menstrual e, principalmente, acelerar a menopausa.

Na gravidez, o fumo está associado a maiores taxas de abortamento e gestação ectópica, além de aumentar incidência de restrição de crescimento, descolamento prematuro de placenta, placenta prévia e parto prematuro.

A mudança no estilo de vida do casal deve ser sempre encorajada já que parar de fumar representa um importante e eficaz tratamento para a infertilidade.

EnglishPortugueseSpanish