Clinica Reversão de vasectomia: A técnica que devolve ao vasectomizado sua fertilidade
27/09/2018

Vasectomia é o tratamento contraceptivo realizado por homens que não querem correr riscos de engravidar suas parceiras. Consiste em uma cirurgia que promove um corte na bolsa testicular interrompendo assim a passagem de espermatozóides pelos dois canais deferentes. O sêmen continua sendo expelido nas relações sexuais, mas sem gametas, evitando assim a formação de um embrião.

Em muitos casos esse procedimento pode ser revertido através de uma  micro cirurgia para reconectar as duas partes dos canais deferentes que foram  separadas, recanalizando  assim o sistema de ejaculação dos espermatozóides. Após o procedimento, é realizado um exame chamado espermograma, para confirmar se os espermatozóides voltaram a ser ejaculados.

A cirurgia de reversão de vasectomia não prejudica a vida sexual e tampouco influencia na produção dos espermatozóides. Ela simplesmente reconstrói o sistema de duetos da ejaculação. As taxas de sucesso deste procedimento dependem do tempo de vasectomia e da experiência do cirurgião, podendo variar de 50 a 90% dos casos.

A reversão da vasectomia é uma forma de devolver ao homem sua fertilidade visando uma gravidez espontânea, mas existem outros caminhos para o homem vasectomizado  gerar um filho.  Nos tratamento de reprodução assistida os espermatozóides podem ser obtidos através de uma punção de epidídimo ou de testículo.

Cada caso deve ser avaliado de forma individualizada para a correta escolha do método ideal para obter a gestação, seja ela de forma natural ou assistida.

EnglishPortugueseSpanish